Mostrando postagens com marcador #distritofederal. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador #distritofederal. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 21 de março de 2023

PREMIAÇÃO DESTAQUE CENTRAL BRASIL - MELHORES DO ANO 2022/2023

BRASÍLIA

Jantar de homenagem empresarial na Churrascaria Fogo do Galpão, em Taguatinga. 
Foto: Walter de Carvalho / WPress

Na noite do dia 20/03, foi realizado um jantar de homenagem aos destaques 2022/2023, o evento aconteceu na Churrascaria Fogo do Galpão no Pistão Sul em Taguatinga, cidade satélite de Brasília, o Prêmio Central Brasil está em sua 14ª e reconhece a Qualidade e Excelência, de empresas, marcas e serviços de profissionais do empresariado local, além de personalidades públicas, daqueles que contribuem efetivamente no desenvolvimento socioeconômico Global, nesta edição se fez presente entre os homenageados empresariais, como personalidade pública em destaque 2022/2023, recebendo a comenda pública de Destaque Político o deputado distrital Iolando (MDB/DF).


A apresentação é realizada pelos sócios- proprietários do Jornal Central Brasil DF, Odaise Amorim Reis e Pedro Paulo.


Veja quem são os homenageados desta 14ª Edição:


Destaque Político

Iolando - Deputado Distrital (MDB/DF)

Deputado distrital Iolando, recebe o título Destaque Político 2022/2023 das mãos de empresários em Brasília. Foto: Walter de Carvalho/ WPress


Destaque Empresarial 2022/2023 - ADESIFLEX RÓTULOS E ETIQUETAS
Foto: Walter de Carvalho/ WPress

Destaque Empresarial  2022/2023 Panificadora O Rei do Pão Foto: Walter de Carvalho/ WPress



Destaque Empresarial 2022/2023  Estética Automotiva  The Bros - Car Detail  
Foto: Walter de Carvalho/ WPress


Destaque Empresarial 2022/2023 Restaurante À Mineira  Foto: Walter de Carvalho/ W Press

Destaque Empresarial 2022/2023 Panificadora Lindo Pão  Foto: Walter de Carvalho/WPress

Destaque Empresarial 2022/2023 Foto: Walter de Carvalho/ WPress


Destaque Empresarial 2022/2023 Etitec Soluções Inteligentes  Foto: Walter de Carvalho/ WPress


Destaque Profissional 2022/2023  Dr. Adriano Colares Tolentino - Médico Gastroenterologista 
Foto: Walter de Carvalho/ WPress 


Destaque Empresarial 2022/2023 Dra Maisa Mariano/ Denthiis Odonto Clínica Geral
Foto: Walter de Carvalho/ WPress

Destaque  Empresarial 2022/2023  Denthiis Odonto Clínica Geral / Dra Maisa Mariano 
Foto: Walter de Carvalho


Destaque Empresarial 2022/2023 Transplantas Garden Center  Foto: Walter de Carvalho/ W Press


Destaque Profissional 2022/2023 Drª Renata Biângulo Foto: Walter de Carvalho/WPress



Destaque Empresarial 2022/2023 Camisaria Almeida  Foto: Walter de Carvalho/ WPress


 Destaque Empresarial 2022/2023 Brasnica Frutas Tropicais   Foto: Walter de Carvalho/WPress


Direção de Imagem: WPress, Luís Cláudio Pachá  analisando  os melhores ângulos do evento 
Foto: Walter de Carvalho



Jornalistas e idealizadores do evento: Pedro Paulo e Odaise Amorim/ Jornal Central Brasil DF
Foto: Walter de Carvalho/WPress


Bolos da  Panificadora Lindo Pão e O rei do Pão em homenagem aos aniversariantes do mês
Foto: Walter de Carvalho/ WPress





Agradecemos a participação de todos os homenageados desta edição:










































quarta-feira, 15 de março de 2023

Moraes autoriza retorno de Ibaneis Rocha ao governo do Distrito Federal

 POLITICA


Governador do DF, Ibaneis Rocha, e ministro do STF Alexandre de MoraesImagem: Reprodução
O ministro do STF Alexandre de Moraes autorizou hoje (15) que o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), retorne ao cargo. Ele foi afastado na noite de 8 de janeiro, após os atos golpistas que destruíram as sedes dos três Poderes. Na decisão, o ministro diz que os relatórios de análise da Polícia Judiciária não apontam indícios de que Ibaneis está tentando dificultar as apurações ou destruindo evidências.
"O momento atual da investigação — após a realização de diversas diligências e laudos — não mais revela a adequação e a necessidade da manutenção da medida, pois não se vislumbra, atualmente, risco de que o retorno à função pública do investigado Ibaneis Rocha Barros Júnior possa comprometer a presente investigação ou resultar na reiteração das infrações penais investigadas", afirmou Moraes. A decisão seguiu parecer do subprocurador-geral, Carlos Frederico Santos, que defendeu a volta de Ibaneis ao cargo de governador. Para a PGR, o emedebista não interferiu nas apurações em andamento. 
Ibaneis comemorou o retorno ao cargo e disse que provará sua inocência. Aguardei com muita paciência, resiliência e confiança na justiça do meu país, esse momento de retorno ao cargo que assumi pela vontade do povo do Distrito Federal, que me elegeu em primeiro turno para um segundo mandato. Agora é seguir firme confirmando a minha inocência junto ao STF e trabalhar ainda mais pela cidade que tanto amo."
Ibaneis Rocha.
Quando determinou o afastamento de Ibaneis por 90 dias, em janeiro, Moraes apontou o "descaso e a conivência" do então governador com a organização das manifestações, mencionando diretamente o então ex-secretário de Segurança Pública Anderson Torres, que está preso desde o dia 14 de janeiro após voltar dos EUA. À época, Moraes disse que "o descaso e conivência" de Torres "com qualquer planejamento que garantisse a segurança e a ordem" no Distrito Federal "só não foi mais acintoso do que a conduta dolosamente omissiva do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha". Desde o afastamento de Ibaneis, o Distrito Federal passou a ser comandando interinamente pela vice-governadora, Celina Leão (PP). Hoje ela disse que eles seguem juntos "e mais forte ainda". Relatório da Polícia Federal após perícia no celular de Ibaneis apontou que o então governador não agiu em prol das manifestações, mas as mensagens demonstram que o emedebista minimizou a dimensão dos atos golpistas. A defesa de Ibaneis se segurou a esse argumento para pedir o retorno ao cargo. Na manifestação assinada pelo criminalista Alberto Toron, é apontado o relatório da intervenção federal sobre o ex-comandante da Polícia Militar do Distrito Federal Fábio Augusto Vieira. O parecer era que, embora exercesse o cargo de chefe da PM, Vieira "não teria sido diretamente responsável pela falha das ações de segurança". Ora, se para quem está diretamente na chefia da tropa esta lhe falta, com maior razão de ser não se pode dizer que o governador, que está mais distante da tropa, se omitiu no comando desta."  Defesa de Ibaneis Rocha

Do UOL, em Brasília e em São Paulo